Translate

sábado, 4 de maio de 2013

Esporão Private Selection Tinto 2009



Característica diferenciadora: Estrutura no Alentejo

Preço: 15€

Onde: Garrafeiras especializadas e algums supermercados

Nota pessoal: 18

Comentário: Esporão é sempre sinal de qualidade e um "porto seguro", em qualquer ano e melhor do que isso, sejam acabadinhos de sair para o mercado, ou já "esquecidos" nas garrafeiras. Sendo os seus cavalos de batalha, rótulos mais "económicos", este vale bem todos os cêntimos que custa.
Presente na memória ainda uma prova vertical onde tive o prazer de estar presente, desde 1999 a 2007, aprendi melhor a história deste vinho. Uma evolução, sempre com o objectivo de se diferenciar pela qualidade de excepção, e de perfil que naturalmente se separou do seu "congénere" Esporão Reserva Tinto.

Embalado pela boa impressão que causou ao Bruno Jorge documentada neste blog há umas semanas atrás, foi provado com atenção e rodeado de excelentes enófilos.

Cor vigorosa, rubi muito escura. Reflexos escuros e opacidade elevada.
No nariz, é imediata a percepção de que se necessita deixar respirar. 
Muito especiado nos aromas, quase picantes inicialmente, transforma-se rapidamente passando por notas de fumo e algum cacau.
Mas é quando se "acalma" um bocadinho que vem ao de cima fruta de muita qualidade e elegância. Fruta encarnado escura, sem exageros e principalmente, sem "sobrematurações" e notas que rapidamente enjoam. Sempre muito bem amparadas por especiarias que dão um volume à experiência sensorial de excepção.

Na prova de boca é extremamente envolvente, volumoso e acetinado qb. Não tenho de todo competências para convictamente acertar regiões e/ou colheitas... mas este tenho uma certeza... dificilmente apontaria "de caras" para o Alentejo. Tem muitas características Alentejanas que se reconhecem, mas tem mais do que isso, sem prejuízo para o terroir  Alentejano. Tem estrutra acima da média, e não sei se é da acidez, mas parece-me muito peculiar as notas picantes que acompanham a prova de boca.
Barrica a acrescentar sem dúvida qualidade ao vinho, mas na minha opinião ainda em evidência.

Vinho obrigatório para a cave, mas com um bouquet extraordinário para consumo imediato e muita, muita qualidade. Suculento, elegante e distinto.

Muito bom.

Provador: Mr. Wolf 



Nariz muito perfumado.
Cor preto. Rubi escuro.
Fruto encarnado, fumo e algum cacau. Extremamente complexo!

Sem comentários:

Publicar um comentário