Translate

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Argiolas Costera Cannonau de Sardegna 2004

Característica diferenciadora: Festival aromático
Preço: 25€
Onde: garrafeiras especializadas
Nota pessoal: 18
Comentário: E depois temos disto... neste caso, sou obrigado a falar primeiro da cor... preocupantemente "atijolada"... oxidada, apesar de bastante limpa. "Vinho de 2004...", pensei eu, evoluído demais para a idade. Normalmente, antes de analisar a cor e a impressão que me causa, começo pelos aromas e depois olho para o copo... neste caso não deu. A cor era assustadoramente "esbatida" de rubi.
Ataquei os aromas e o manancial de aromas era tão vasto, que tive de me dedicar um bom bocado, e pedir ajuda... para decifrar algumas das notas aromáticas... foi dos vinhos que mais tempo demorei a provar. A garrafa durou mais de 2 horas. O aroma mais evidente era familiar, mas não conseguia chegar lá. Cheirava a Natal... ou seja, bolos quentes, açucar, etc, etc, até que chegámos a consenso de memória olfactiva. O vinho tem aromas de erva doce e canela. Madeira muito bem integrada sem chatear nada.

Na boca, corpo de concentração maior do que a cor deixaria antecipar e uma persistência enorme. Vinho muito delicado, seco qb, cremoso, que em contacto com o ar ganha mais corpo e densidade. Faz lembrar alguns vinhos, mais antigos do Dão.
No nariz, à medida que renovávamos vinho no copo, os aromas de erva doce e muita fruta cristalizada surgiam cada vez mais evidentes. Tangerina, daquelas confitadas e ligeiramente amargas.

A uva Cannonau de Sardegna, tem a sua origem na influência Espanhola em solo da Sardenha. É a Garnacha espanhola. Presumo que este vinho era só de Cannonau. Muito fresco e muito bom. Um vinhão. Um sedutor. Diferente do que se prova nos vinhos Portugueses. Dá-me ideia que está bastante bem para beber agora. Não creio que com menos anos de evolução em garrafa o vinho estivesse tão bem... Não sei porquê.

Vinho muito bem balanceado. Uma surpresa muito boa.
Provador: Mr. Wolf

Sem comentários:

Publicar um comentário